Projeto Web - Portal de economia Projeto Web - Câmara Mundial da Indústria e Comércio Projeto Web - Carlos Muzzi - Músico Projeto Web - ONG SOS ITUPARARANGA
A Importância do Web Design na usuabilidade.

É possível atingir bons níveis de acessibilidade, sem sacrificar o conteúdo ou opções de design!

Acho alguma piada àqueles que vêm agora justificar a sua própria falta de gosto com conceitos ainda pouco conhecidos e utilizados como: acessibilidade, navegabilidade e até usuabilidade.

A web, a internet, a rede mundial, a world wide web ou como lhe queiram chamar, é indubitavelmente um riquissímo espaço de comunicação, de troca de informação, de interactividade, de entretenimento, um espaço que se quer leve, de simples utilização, onde se encontram websites que devem servir aos intresses de quem a manda construir, mas sobretudo e mais importante ainda, que convide o utilizador a entrar, a ficar e a repetir a sua visita muitas vezes.

No meu entender não são os webistes cinzentões, graficamente pobres com estruturas de informação lineares ou aparentemente simples, que conseguem a empatia que se pretende, por mais simples e segura que essa solução seja ao nível de implementação.

É o webdesign que manda na "leitura da página", é ele quem direcciona o utilizador para determinadas àreas do site que queremos que seja mais vista, ou que não pretendemos dar relevância.

Sem o grafismo adequado, que eleve as tais instituições cinzentonas ou que modere as mais arrojadas, que simplifique a estrutura de informação, por forma a se chegar a uma navegabilidade estável, o que vamos obter é um website comum, que nasce e morre por falta de utilizadores.

Mas também reconheço que é o grafismo que em excesso dificulta a acessibilidade e usuabilidade do website, por essa razão é que a criatividade ao conceber um layout para um website é tão importante.

O objectivo deve passar por atingir um harmonioso equiliíbrio entre elementos: transformar uma estrutura de informação de complexa a simples, de conteúdos exuastivos a objectivos e concisos, de grafismo pobre a emotivo e não menos importante, a respectiva programação a aplicar.

Existem auto-intitulados weddevelopers que além de pouco know-how e inexperiência comercial preferem não perder tempo com este tipo de preocupação, com determinadas regras, ou com as valiosas guidelines que os estudiosos da Internet partilham, e fazem websites de "empreitada" com qualidade menor e que compromentem seriamente o futuro da web.

Contra a "industrialização" de páginas web existem aqueles renunciam a esta forma de actuação, e que desta forma ainda se esforçam por salvar parte do nosso legado às gerações vindouras.

Gostaria agora de enunciar o TOP 10 de erros de Wed Design por Jakob Nielsen, um dos Gurus da usuablilidade para sites, aquele a quem já chamam o "rei da usuabilidade":

1 - Problemas de Legibilidade
Tipo de letra deve ser legível, escalável e deve ser atribuído um bom contraste entre a sua côr e respectiva côr de fundo da página.

2 - Links não standardizados
Deve-se tornar óbvio aquilo que é clicável, sublinhando-o, e não sublinhar texto que não tenha hiperligação. Diferenciar os links visitados e não visitados. Explicar o que os utilizadores vão encontrar quando clicarem e incluir palavras-chave para aumentar a optimização nos motores de pesquisa. Não utilizar a expressão "Clique aqui" ou outro link de texto não descritivo. Evitar Javascript ou outras técnicas que quebrem a interacção com links. Em particular não se deverá abrir páginas em novas janelas, à excepção de ficheiros pdf e afins.

3 - Flash
Irritante! é a expressão que define websites elaborados exclusivamente em flash. Recomenda-se portanto a extinção de splash pages bem como páginas de introdução em flash. Ao contrário do que se pensa não é o movimento nas páginas não cativa o utilizador, pelo contrário, afasta-o. Usá-lo como menu, menos mal, mas os utilizadores ainda preferem menus estáticos.

4 - Conteúdo não apropriado para a web
Escrever para a web significa criar conteúdos concisos, objectivos e com termos comuns, por forma a ir ao encontro da optinização de motores de pesquisa e consequentemente dos termos que os nossos utilizadores pesquisam.

5- Pesquisas más ou que não funcionam
A pesquisa é um componente fundamental para a experiência de um utilizador internet. Compensará sempre investir numa boa aplicação de pesquisa.

6 - Incompatibilidade de Browser
Safari, Opera, Firefox são browsers, ou seja são softwares alteranativos ao Microsoft Internet Explorer que os nossos utilizadores podem usar. Não vire as costas a um utilizador só porque prefere uma plataforma diferente.

7 - Formulários extensos
Se para o nosso negócio intressa obter apenas o nome e email, não lhe peça o número de contribuinte ou a morada, não o faça perder tempo. Não os torne obrigatórios a não ser que o sejam, de facto. Torne os campos do formulário fléxiveis, crie formulários que sejam capazes de eliminar caracteres "proibidos" como parentisis ou espaços. Lembre-se dos utilizadores com menos precepção para as novas tecnologias.

8 - Inexistência de Contactos ou outra informação sobre a empresa/instituição
É de extrema importância uma página que tenha além de email e telefone de contacto, tenha também uma morada física. Segundo Jakob Nielsen é uma das chaves de credebilidade da entidade que a página representa.

9 - Layouts congelados com larguras de página fixas
Em monitores grandes, com resoluções grandes é difícil ver sites que não se redimensionam à janela, o mesmo acontece em monitores pequenos com resoluções pequenas… aparece logo a errada barra de scroll horizontal. Que se dê especial atenção às janelas Pop up, que à partida nem devem ser utilizadas e que normalmente são fixas em altura e largura, mas a utilizá-las, permita-se pelo menos redimensioná-las à vontade do utilizador.

10 - Imagens em tamanho inadequado para visualização
Quando se lê, perto de uma imagem "clique aqui para aumentar", ela deverá de facto aumentar a imagem, e não apresentar a mesma que serve como link à segunda, isso é desperdicar cliques, e dá a impressão que o utilizador fez algo de errado. Quando os utilizadores clicam neste tipo de hiperligação estão dispostos a esperar que a imagem descarregue e seja apresentada na página.

por Susana Pimenta

| Home | Web | Multimídia | Mídia 3D | Mídia Impressa | Contato | E-mail |
F: 55 11 3781-9445 - R. Miguel Arnaudas, 428 - 05572-110 - Parque Ipê - São Paulo - SP - Brasil - Copyright © PR5. Todos os direitos reservados.